20º dia - Torre de Tokyo e Comiket!

Olá!
A partir desse post começam os dias de Tokyo da viagem que eu e meu irmão realizamos ao Japão! E qual é a melhor maneira de começar a explorar Tokyo? De cima! Por isso nesse dia nós fomos na famosa Torre de Tokyo! Mas também era o primeiro dia da Comiket, o maior evento otaku do mundo, e nós fomos lá conferir.

29 de Dezembro de 2016, quinta-feira

Torre de Tokyo

Chegando na Torre de Tokyo
Localizada no distrito de Shibakoen, essa famosa torre de 333 metros (13 metros mais alta que sua inspiração, a Torre Eiffel) foi a mais alta estrutura do Japão até 2012 (hoje a mais alta é a Tokyo Skytree, que veremos daqui alguns dias). Além de ser um ponto turístico muito famoso e proporcionar uma bela vista da cidade, a torre também serve de antena de transmissão para rádios e canais de televisão. Para nossa felicidade, conseguimos acordar um pouquinho mais tarde nesse dia, já que a Torre de Tokyo só abria às 10h. 

Chegamos na torre e infelizmente o observatório especial, que era o mais alto, com 250 metros, estava fechado para renovação. Mas o observatório principal, de 150 metros, estava funcionando normalmente, então nos contentamos com ele. Apesar de não ser o mais alto, a vista era muito bonita, era possível ver lugares que encontraríamos ainda nesse dia, como o templo Zojoji e a ponte Rainbow Bridge que leva até a ilha artificial de Odaiba, e lugares que encontraríamos alguns dias mais tarde como a torre Skytree e o Prédio do Governo Metropolitano de Tokyo. 


Vista da Torre de Tokyo para o templo Zojoji (no meio) e para a ponte Rainbow Bridge (no canto superior direito)
Vista da Torre de Tokyo em direção à Skytree (torre alta lá no fundo)
Vista da Torre de Tokyo em direção a Shinjuku (Prédio do Governo Metropolitano pode ser visto no meio bem no fundo)

Nos andares de baixo, a torre ainda tinha várias lojas, restaurantes e até museus, mas não tivemos tempo de olhar tudo. Depois de apreciar a vista e comprar lembrancinhas, saímos da torre e caminhamos até o templo budista Zojoji, para tirar fotos da parte externa da torre, que dava um contraste muito legal com a arquitetura tradicional do templo. Terminando esse rápido passeio, saímos correndo para Shinbashi para trocar nossos dólares (nós trocávamos um pouco de cada vez), porque precisaríamos de mais dinheiro para a próxima atração do dia. 

Templo Zojoji e Torre de Tokyo
Templo Zojoji e Torre de Tokyo

Comiket

Depois de dar muitas voltas até encontrar um lugar com uma boa taxa de câmbio, finalmente pegamos um trem para a ilha artificial de Odaiba, lar do característico prédio Tokyo Big Sight, local onde todos os anos, duas vezes por ano, ocorre o Comic Market, mais conhecido como Comiket, o maior evento otaku do mundo! Mas antes de ir nesse grandioso evento, nós precisávamos almoçar. 

Paramos em Palette Town, um complexo de shoppings e parques de diversões famoso em Odaiba pela sua vistosa roda gigante de 115 metros de altura. Pretendíamos almoçar no shopping Venus Fort, mas dando uma rápida olhada pelos restaurantes, vimos que não era o que procurávamos. Precisávamos de uma comida rápida e eu já estava bem impaciente, então fomos numa konbini (loja de conveniência) mesmo, compramos coisas prontas e comemos ali na frente. Ao terminarmos, fomos caminhando até o Tokyo Big Sight. No caminho, várias pessoas com sacolas estampadas com garotas de anime, sinal de que estávamos na direção certa. Chegamos no famoso prédio que já vimos em tantos animes e a quantidade de pessoas realmente impressiona, eu nunca vi tanta gente na minha vida!

Palette Town
Palette Town

A Comiket é um evento para fãs de animes, mangás e games que ocorre todos os anos no verão e no inverno do Japão e dura 3 dias, reunindo cerca de 500.000 pessoas a cada edição. O evento ocorre desde 1975 e essa foi a edição 91. A principal atração são os doujinshis, que são como fanzines, são publicações independentes, muitas vezes baseadas em alguma obra conhecida, feitas por fãs. O nível das publicações vai desde aquelas bem amadoras até as com qualidade profissional e tem gente que realmente ganha a vida só com isso. Mas além de doujinshis, a Comiket também é palco de venda de produtos oficiais e exclusivos, anúncios de novos animes e games e reunião de muitos cosplayers. O evento começa às 10h, mas muitas pessoas já começam a formar fila na madrugada do dia anterior.

Fila da Comiket pela manhã (essa foto não é minha, chegamos só à tarde)
Tokyo Big Sight no momento em que chegamos na Comiket

Minhas compras
Como nós chegamos por voltas das 13h, não pegamos fila, mas seria fácil se perder no meio daquela multidão, por isso eu e meu irmão marcamos um ponto de encontro e um horário e nos separamos. Nesse primeiro dia, a principal temática dos doujinshis era games. Eu queria ir direto para a parte de Touken Ranbu é claro, mas eu acabei indo pro lado errado e fui parar na área onde os cosplayers se arrumam, que era no alto do Tokyo Big Sight. Mas foi legal porque eu subi a maior escada rolante da minha vida enquanto ia admirando os cosplayers descendo. Depois fui na direção certa e achei a parte de Touken Ranbu, finalmente. Era enooorme e eu passei por todas as fileiras de mesas várias vezes até decidir o que comprar. No fim comprei dois doujinshis, ambos com uma qualidade muito boa mesmo! 

Saindo da parte de Touken Ranbu, eu dei uma volta nos arredores e comprei a sacola oficial do evento, que era muito fofa! Dei mais umas voltas pelas mesas de doujinshis e parei em um estande oficial da Copic, que estava com umas promoções exclusivas e não resisti, montei um conjunto e comprei 12 canetas, e cada uma saiu por cerca de 7 reais, sendo que no Brasil cada uma me custaria uns 20 reais. No fim gastei bem menos do que esperava, tem gente que compra tanta coisa que tem até um estande do correio pra você empacotar suas compras e mandar direto pra casa. Satisfeita com as minhas compras, saí pra rua de novo, dei uma olhada nos cosplays, mas apesar de ver uns muito bons, não tirei fotos porque estava muito cheio e difícil de andar. Esperei meu irmão no nosso ponto de encontro, em frente a um serrote gigante, e nós saímos de lá bem felizes. Vou deixar aqui algumas fotos de cosplayers que achei no twitter.

Serrote gigante, fácil de achar, não?
Porco Rosso do filme da Ghibli e Nappa de Dragon Ball Z
Squall de Final Fantasy VIII
Jotaro e Kira de JoJo's Bizarre Adventure
Vários Touken Danshi de Touken Ranbu
Ichigo e Izuminokami de Touken Ranbu
Família Phantomhive de Kuroshitsuji
Yui de K-On e Kurisu de Steins;Gate
Sakura e Tomoyo de Sakura Card Captors
Sasha de Shingeki no Kyojin e Misty de Pokemon
Inspetores de Psycho-Pass
E até agentes do FBI trabalhando
Um grupo de Deadpools
E até o comediante Pikotaro (que ficou famoso ano passado por causa dessa música)

Odaiba

Ainda era cedo quando saímos do evento, cerca de 16h, então dava pra explorar mais um pouco Odaiba até de noite. Se eu fosse definir Odaiba em três palavras, eu diria diversão, entretenimento e Digimon! Diversão e entretenimento, por causa dos vários shoppings, parques de diversão e coisas legais pra fazer na ilha e Digimon porque, pra quem não sabe, os digiescolhidos moram em Odaiba e o anime mostra muito dessa ilha em detalhes! Eu inclusive tirei fotos do prédio onde morariam o Taichi e a Hikari! Pra quem quiser ver mais lugares de Odaiba mostrados em Digimon, esse site tem um mapa com várias fotos! No próximo dia vou mostrar mais alguns lugares também.

Prédio do Taichi
Prédio do Taichi
Cenas de Digimon no Tokyo Big Sight

Depois de tirar fotos, nós fomos no shopping Decks. Passeamos por todas as lojas e fomos no Tokyo Trick Art Museum, um museu bem legal onde você pode interagir e tirar fotos com pinturas realistas. O meu irmão foi comigo, mas ele só tirou fotos minhas mesmo, depois ele explicou que não enxerga bem essas ilusões de ótica por causa do problema que ele tem no olho, então fiquei meio triste por ele e procurei não demorar muito no museu. Saímos de lá e fomos na parte externa do shopping, onde dava pra ver a iluminação de Natal de Odaiba e a Rainbow Bridge. Estava bem frio, mas era muito bonito. Jantamos no restaurante Yoshinoya e fomos para a estação de teletransporte de Tokyo! O nome é bem legal, mas é na verdade só um trem que percorre boa parte de Tokyo bem rápido.

Entrada do Tokyo Trick Art Museum
Entrada do Tokyo Trick Art Museum
Cavalo descontrolado
Espelho sem o meu reflexo
Fazendo carinho no gatinho
Altas aventuras no museu
Shopping Decks
Decoração de Natal de Odaiba e ponte Rainbow Bridge
Estação de Teletransporte de Tokyo
Estação de Teletransporte de Tokyo

Esse foi o primeiro dia de Odaiba! No próximo dia tem mais Odaiba e mais Comiket! Qual cosplay acharam mais legal nesse primeiro dia?
Até!~

2 comentários:

  1. Que sooonho, deve ter sido tudo de bom ter tido essa visão de Tokyo ♥
    Eu lembro de uma vez que eu estava com uma mini escultura da Torre de Tokyo na universidade e então umas leigas do curso ficaram perguntando se era a Torre Eiffel, SOCORROOO (; ̄Д ̄)
    Menina, acredita que até ver o seu post eu não conhecia o Comiket? QUE TIPO DE OTAKU EU SOU? (T▽T) Conheci hoje e já considero p/ caramba shaushauhs
    Não decidi qual foi meu Cosplay favorito >__< até pq todos estão ótimos

    Até ☆ミ(o*・ω・)ノ
    Blog:ShyandBrave

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Simm foi muito mágico! <3
      Haha entendo, são parecidas mesmo e muita gente não conhece a Torre de Tokyo.
      Eu fui conhecer a Comiket mais por causa do meu irmão e porque aparece em alguns animes mesmo, como Genshiken e até o mais recente Watashi ga Motete Dousunda. Mas só estando lá que eu percebi o quanto aquele evento é grande e importante!
      Também não consigo decidir! É outro nível esses cosplays!
      Beijos~

      Excluir

Tecnologia do Blogger.