Pesquisar este blog

domingo, 11 de novembro de 2018

Donghua: os Animes Chineses

Olá!
Falta um mês para eu viajar para a China! E para treinar a minha escuta de chinês, estou tentando assistir uma boa quantidade de conteúdos em chinês. Por isso, hoje vim falar dos donghuas, os animes chineses e sugerir alguns que podem ser interessantes para o público otome!

História

Donghua (动画) significa literalmente "desenho que se move" em chinês e é assim que as animações são chamadas por lá. Os pioneiros a produzir as primeiras animações chinesas foram os Irmãos Wan nos anos 20. A partir dos 60 começou a era de ouro das animações chinesas com a criação do Shanghai Animation Film Studio, que reuniu diversos artistas talentosos da época, inclusive os Irmãos Wan. 

Animação Danao Tiangong (Havoc in Heaven) de 1961

Em 1966 começou a Revolução Cultural na China e qualquer coisa que tivesse uma visão diferente deveria ser eliminada. Assim as animações chinesas ficaram praticamente em stand-by. Passada a Revolução Cultural, nos anos 80 e 90, as animações americanas e japonesas já estavam bem mais desenvolvidas do que as chinesas e faziam muito mais sucesso. Mas ao mesmo tempo, não havia mais nada impedindo a indústria de crescer e a tecnologia cresceu muito e foi se tornando mais acessível.

O tempo passou, os animadores chineses foram se aperfeiçoando e conquistando mais destaque, e nos últimos anos, os números de empresas que se dedicam a animações e de produções chinesas aumentaram muito. A cada nova temporada de anime, é possível notar alguns títulos que vieram da China, vamos falar de alguns deles.

7 Donghuas para você conferir

Eu selecionei 7 animações chinesas recentes, que não são necessariamente as mais populares, mas que podem vir a interessar otomes. A maioria delas recebeu simultaneamente dublagem japonesa no lançamento, e muitas vezes é até mais fácil achar pra assistir a versão em japonês, mas todas as histórias tem origem chinesa. Eu só vi 1 ou 2 episódios de cada um, porque ainda estou selecionando quais eu vou assistir de fato antes da viagem, mas esses foram os que eu achei mais interessantes:

Ling Qi
Nome ocidental: Spiritpact
Estúdio: Haoliners Animation
Ano: 2016
Nº de episódios: 20
Duração: 14 min por episódio
O protagonista é um espírito que ainda não se deu conta que está morto, até que encontra exorcista que propõe que eles façam um pacto. É shounen ai e provavelmente por causa disso já é mais famosinho. Ganhou uma segunda temporada com mais 12 episódios em fevereiro de 2018.




Xiang Ling Ji
Nome ocidental: Tales of Exorcism
Estúdio:  Pb Animation Co. e Studio LAN
Ano: 2017
Nº de episódios: 15
Duração: 16 min por episódio
Tem uma temática bem parecida com o anterior, com ação, comédia, espíritos e exorcismo (que aliás parece ser uma temática muito popular nas animações chinesas). A diferença é que se passa em um período histórico bem mais antigo e a exorcista é uma garota. 

 



Wo Shi Jiang Xiaobai
Nome ocidental: I'm Joybo
Estúdio: 2:10 Animation 
Ano: 2017
Nº de episódios: 12
Duração: 20 min por episódio
Jiang Xiaobai é um editor estagiário, ele vai ter que começar a trabalhar com a escritora Tong Li e vai descobrir que ela sua importante amiga de infância, com quem ele tinha perdido o contato. Tem um ar bem mais sentimental e com situações de vida adulta, por isso gostei bastante. E ainda se passa em Chongqing, que é uma das cidades que eu pretendo visitar.



Di Wang Gong Lue
Nome ocidental: The Emperor's Strategy
Estúdio: ?
Ano: 2018
Nº de episódios: 20
Duração: 17 min por episódio
Outro shounen ai. Esse conta a história de um imperador e um rei que eram amigos de infância. Ele tem um visual que me lembra muito o Romance do Três Reinos, que uma história chinesa super antiga e importante, então achei bem interessante.





KisKis! Wo de Nanyou shi Bohe Tang
Nome ocidental: KisKis! My Boyfriends are Mint Candies
Estúdio: ?
Ano: 2018
Nº de episódios: 4
Duração: 5 min por episódio
Um donghua curtinho que mostra as interações da protagonista com garotos que são personificação de balas. Cada um é um sabor, tem groselha preta, limão, melancia e pêssego. É bem simples e até bobinho, mas como é curtinho é legal de ver. 





Phantom in the Twilight
Estúdio: Lidenfilms
Ano: 2018
Nº de episódios: 12
Duração: 23 min por episódio
Esse na verdade é um anime mesmo, mas é uma coprodução japonesa e chinesa com uma protagonista chinesa, então eu quis trazer aqui também. A história se passa em Londres em torno de uma cafeteria onde os guardiões da fronteira entre o mundo humano e o mundo sombrio se reúnem.





Mo Dao Zu Shi
Nome ocidental: Grandmaster of Demonic Cultivation
Estúdio: G.CMay Animation & Film
Ano: 2018
Nº de episódios: 15
Duração: 24 min por episódio
Por último temos o donghua que provavelmente faz mais sucesso atualmente, pelo menos entre o público feminino. É baseado em uma danmei (novel BL) que traz vários elementos da mitologia chinesa e gira em torno da prática antiga de "cultivação", na qual se treina o corpo e a mente, a fim de aprimorar sua energia espiritual. 




Você já conhecia os donghuas? Qual achou mais interessante? Conhece algum que não foi citado? Comente!

Nenhum comentário:

Postar um comentário